terça-feira, 6 de setembro de 2011

O Deus que livra na fornalha

Tema: O Deus  que livra na fornalha
Ref.: Daniel  3.1:30  Leia
  
O versículo acima refere-se a três jovens de Israel que  foram levados cativos pelo rei da Babilônia Nabucodonosor, escolhidos por serem inteligentes e conhecedores de toda “ciência” e “tecnologia “  da época, colocados para aprender  sobre as leis babilônicas, logos já estavam em evidência no palácio babilônico e foram nomeados para administrar as províncias da Babilônia .
Nesta época o rei Nabucodonosor, havia feito uma enorme estatua de ouro com a sua imagem e havia decretado que todos aqueles que ouvissem o sinal da buzina e dos instrumentos, deveriam cultuá-la e se dobrar diante da imagem de ouro, e se não prestassem culto a essa imagem seriam lançados na fornalha.
Alguns magistrados da Babilônia, perceberam que os três jovens, não seguiam este decreto, de se dobrar diante da estatua e foram falar com o rei Nabucodonosor. O três jovens, Sadraque, Mesaque e Abede-nego foram levados diante do rei, porém recusaram se a se dobrar diante de sua estatua, pois adoravam somente um Deus, o Deus vivo. Furioso com a atitude dos jovens, Nabucodonosor ordena  que aqueçam  a fornalha sete vezes mais acima da sua capacidade e manda que os soldados amarrem e cobrissem os três jovens com panos, roupas e turbantes e os jogassem na fornalha.
Quando a fornalha foi aberta os dois soldados que estavam a frente, levando os jovens, morreram imediatamente consumidos pelo fogo, lançaram então na fornalha Sadraque, Mesaque e Abede-nego, todos que estavam presentes esperam que o fogo os consumissem também, porém o rei Nabucodonosor, aproxima-se da fornalha  e vê os três jovens passeando dentro da fornalha e vê também uma outra pessoa com eles, que tinha semelhança resplandecente.
Estarrecido com o acontecimento, o rei pediu para que eles saíssem da fornalha e os três jovens saíram ilesos, então Nabucodonosor exalta o Deus de Sadraque, Mesaque e Abede-nego, pois lhe enviou o seu anjo, que livrou os seus servos da fornalha, pois Nele confiaram.
vida.

Quando começamos com a vida cristã, buscando a vontade de Deus prá nossa vida, pedimos para que Ele nos coloque no centro da sua vontade, porque sabemos que  Ele tem o melhor e está controle de todas as coisas.
 E com o tempo, passamos por inúmeras situações, umas muito boas e outras nem tanto assim.
Quando a vida anda bem, os problemas diminuem, as possibilidade de sucesso estão grandes, ficamos felizes e achamos que estamos vivendo na glória de Deus, afinal tudo está bem tudo esta dando certo.
Porém há um tempo que enfrentamos caos, tempestade e o tempo de adversidade vêem sobre nós. Começamos então a murmurar e nos queixar de tudo, achamos que Deus nos abandonou, que não nos ama mais, que já não se importa tanto assim conosco.
Mas nos esquecemos que no início da nossa vida cristã, clamamos para estarmos bem pertinho Dele, queremos viver  no centro da vontade de Deus, porque se estamos vivendo a vontade de Deus não nos cairá a dificuldade tudo será bom. Mas muitas vezes o centro da vontade de Deus, naquele momento para nossa vida é estarmos na provação, para aquele determinado tempo essa é a vontade de Deus, para que eu e você não caíamos no erro de achar que Deus só está conosco em dias em que tudo da certo.
Jesus foi claro em dizer que no mundo teríamos aflições
 (João 16:33), mas graça a Deus há uma vírgula depois desta frase e Ele continuou: -Tende bom ânimo ou seja continua, persista, siga em frente, não recue.
Muitas vezes o caminho do centro da vontade de Deus prá nós, nos leva a fornalhas, assim como aconteceu com Sadraque, Mesaque e Abede-nego, que eram jovens cheios de Deus, separados por Deus, adoravam e amavam a Deus, mais isso não os poupou das aflições e mesmo sendo levados como prisioneiros, vivendo em terras estranhas, o amor que tinham por Deus estava acima de tudo isso e a fé  no Senhor que havia em seus corações, não seria abalada.
Mesmo sabendo que o decreto a quem não adorassem a estatua de ouro do rei Nabucodonosor era a morte na fornalha, eles não se dobraram diante  disso, pois e conheciam a Deus e mesmo que tivesse que morrer, não se corromperiam apesar das circunstâncias.
Nos dias de hoje vemos exatamente ao contrário, basta que as coisas não saíam como planejamos ou entramos em  alguma atribulação, muitos de nós deixam a fé em Cristo, desprezam o seu amor, fazem aliança com o inimigo, tudo para ter benefícios rápidos e vantajosos, Não esperam o agir de Deus, fazem tudo a sua maneira e ainda querem que Deus compartilhem com as suas escolhas e  caminhos errados.
Naquela situação, Sadraque, Mesaque e Abede-nego, tinham tudo para reclamar e murmurar, mas sabiam que uma vida em devoção a Deus era muito mais importante e queriam estar no centro da vontade de Deus, mesmo que isso os levassem a morte, jamais se dobrariam ou fariam algo que não agradasse a Deus.
Sabe o que eu aprendo com essa linda passagem bíblica, a não me dobrar as minhas tribulações, o fogo vai arder, o barco vai sacudir, mesmo assim vou confiar no meu Deus e seguir, pois as minhas aflições são leves e momentaneas e ném se comparam com a glória que a de vir.  Aprendo que devo amar a Deus acima de tudo e das circunstâncias, pois ele me ama e Poderoso para me livrar da fornalha ou até mesmo na fornalha. Que a batalha do crente pode ser sete vezes maior, mas a vítoria é infinitamente gratificante.
Continuo buscando o centro da vontade de Deus, quero estar submisso ao seu poder e viver ao lado Dele e mesmo que  andemos pelo vale da sombra da morte, não temerei mal algum, pois estará comigo, pois jamais me deixa só.
Muitas vezes o fogo (dificuldades) vem para nos ensinar, forjar o nosso carater e para possamos aprender a seguir em pé, principalmente em tempos de luta. O centro da vontade de Deus pode me levar ao deserto, mas estarei ali somnte de passagem, as minhas raizes não são de plantas que nascem no deserto e sim daquelas que crescem junto a ribeiros, sedentas dos nutrientes que vem do solo firme (Jesus)
Que você possa entender que Deus não te deixa no meio do deserto ou da luta sozinho, Ele está contigo em todo tempo, te suprindo, te  dando suporte, lhe encorajando e protegendo e no final a vitória é sua pois você é amado Dele.
Continue então querendo viver no centro da vontade de Deus.
Deus te abençoe e te guarde em Nome de Jesus

Carlos Eduardo...

E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.
Romanos 8.28

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário